literatura · poemas

Cortina

Os olhos pesam,Ao ânimo persisto,Mas dele logo desisto.O sono invade a pálpebra,Levo-me ao suspiro.O pouco ar e entusiasmo se esvaemAh, é só uma breve desistência!Acabo por me enrolar no cobertor e em reticências...Deixe na mesa tudo assim mesmo!Esta é a minha ínfima liberdadeAi, a de respirar...Por entre os segundos escorregadios.Com exclamações já não me expresso… Continuar lendo Cortina

crônicas · filosofia · história · literatura

Em meio a Atenas e aos modernistas

Assim como Mário Quintana disse na crônica “Coisas e pessoas”, sinto que também possuo a tendência de personificar as coisas. Desde pequena eu gosto de imaginar as matérias da escola como pessoas. Já que não tenho muita facilidade em Matemática, essa logo foi um velhinho com sobrancelhas arqueadas e um olhar inquisidor. Hoje, está mais… Continuar lendo Em meio a Atenas e aos modernistas